O Que É o Conceito do Lídio Cromático?

O Conceito do Lídio Cromático é uma organização tonal tendo como sua base a gravidade tonal. Gravidade é a força de atração e, diferente do sistema tradicional, a teoria musical de Russell demonstra três forças e não uma.

Uma força de atração só existe por causa da tônica, por isso a sua base é feita com o intervalo de quinta justa, pois este é o primeiro intervalo harmônico que uma tônica é definida.

Outro ponto nesta teoria musical do Russell é que harmonia significa unidade, ou seja, o acorde e a escala devem ser únicos, livre de dissonância e apenas a escala lídia demonstra essa unidade já que a escala maior possui a quarta justa que forma uma dissonância (por isso dizem para você evitar essa nota). Com este Conceito, que nasce por causa do Miles Davis, surge o jazz modal. Temos aqui uma teoria musical que surgiu do jazz para o jazz e que depois abraçou o mundo, pois você consegue compor, improvisar e compreender qualquer tipo de música que trabalhe com o sistema temperado.

Dissonância

Um dos pontos fortes desta teoria musical é a forma como ele demonstra a dissonância. Uma nota possui em sua série a tríade maior sendo reverberada (ressonância). O acorde maior é a base, isto é, ele e a escala lídia são únicos. A dissonância vista no Conceito do Lídio Cromático, não é algo que vá deixar o acorde apenas bonito ou feio, é como uma mistura de cores, ou seja, quanto mais notas você usa para colorir o acorde, mais distante da sua origem ele vai ficar.

Observe este fenômeno com a harmonização abaixo utilizando apenas os acordes maiores.

Temos a mesma movimentação, mas o som do acorde maior vai se desintegrando de uma forma que ele fica irreconhecível e o melhor é que você chega nesse resultado em pouquíssimo tempo (menos de 1 mês).

Conceito não é Sistema

George Russell deixou uma enorme contribuição para a comunidade da música com a sua teoria musical, pois foram mais de 50 anos desenvolvendo o Conceito do Lídio Cromático. Muitas pessoas acham que é mais do mesmo, inclusive eu achei que era isso, mas estava completamente enganado.

Tenho profundo conhecimento sobre a teoria musical tradicional, ou seja, harmonia tonal e modal, mas quando resolvi estudar o Conceito do Lídio Cromático eu não só compreendi melhor a teoria musical tradicional, mas como você percebe o quanto ela te deixa cego, limitado e chato de aprender, pois são várias regras e respostas vagas. A diferença entre o sistema tonal para o Conceito do Lídio Cromático é simples, o sistema dita regras deixando a sua música previsível, pois você sempre deve resolver na tônica da escala maior ou da escala menor com os mesmos acordes. O Conceito do Lídio Cromático explica como o sistema funciona e rompe essa barreira da previsibilidade com a gravidade tonal. Russell não teve a pretensão de mudar a teoria musical tradicional, muito pelo contrário, ele apenas organizou as doze notas cromáticas de uma forma que você consegue compreender qualquer estilo musical pela gravidade tonal, não apenas o jazz, mas qualquer estilo musical que utilize o sistema temperado.

A classe 1 – Harmonia 1 da Universidade Michael Machado demonstra como você pode harmonizar qualquer melodia aplicando a gravidade tonal vertical e na primeira semana você vai mudar completamente a sua forma de ouvir música, pois você vai conhecer um mundo repleto de possibilidades e em 1 mês você estará harmonizando cromaticamente qualquer melodia. Isso não é promessa, é fato.

28 de junho de 2022

0 responses on "O Que É o Conceito do Lídio Cromático?"

Leave a Message

O seu endereço de e-mail não será publicado.

top

© Universidade Michael Machado, todos os direitos reservados. CNPJ: 32.844.874/0001-11