Escala do Acorde Diminuto

Neste artigo mostrarei como eu uso algumas escalas sobre o acorde diminuto, uma continuação do artigo do acorde diminuto (veja aqui).

Visto que o acorde diminuto possui a função preparatória e não preparatória, é hora de vermos quais são as possibilidades de escala na prática da improvisação.

Construção

Ian Guest diz o seguinte em seu livro de harmonia:

Quando o acorde diminuto prepara um acorde maior, as notas de tensão ficam situadas um tom acima das notas do acorde.

O que ele quer dizer com isso? Simples, vamos usar o acorde de F#° como exemplo:

Notas de tensão 1

Já para o acorde diminuto que prepara um acorde menor, as notas de tensão são da escala menor natural localizada ½ tom acima da cifra.

Ok. Primeiro ele diz notas do acorde quando o diminuto resolve em um acorde maior e notas da cifra para acordes menores, qual a diferença?

Quando Ian Guest quer dizer cifra, na verdade ele quer usar as notas da escala menor natural, e não uma relação intervalar sobre as notas do acorde de F#°.

Sol menor natural
Tensão sol menor harmonico

As 5 Possibilidades de Sonoridades

Cada função do acorde diminuto vai me gerar uma escala diferente, uma nova sonoridade. Algumas escalas não possuem nome, por isso eu as classifico por Tipo, veja:

Escala do Tipo 1 – começando por tom:

Começando por tom

Essa escala é chamada de escala diminuta. Ian Guest chama de Diminuta Simétrica ou Dim Sim. 

Sua utilização é sobre diminutos que resolvem em acordes maiores, diminutos auxiliares e passagem não preparatório.

DO TIPOum

Começando por ½ tom:

Começando por semitom

Essa escala é conhecida como Dominante Diminuta.

Geralmente a escala Dominante Diminuta é usada para acordes dominantes. Exatamente por soar mais dominante que diminuta, eu não utilizo essa escala, logo ela está fora da minha tabela. Mas é mais uma opção de escala que você pode usar.

Dominante diminuta

  Escala do Tipo 2 (escala menor natural 1/2 tom acima)

Sol menor natural dim

Sua utilização é feita sobre diminutos que resolvem em acordes menores.

DO TIPOdois

Escala do tipo 3

diminutosolmaior

Usa-se essa escala sobre diminutos que resolvem em acordes maiores.

DO TIPOtres

Escala do tipo 4

Tipo 4

Escala usada sobre diminutos de passagem não preparatórios.

DO TIPOquatro

Ora, se o F#° é o VII de sol menor (VII da escala menor harmônica), por qual motivo eu não posso usar essa escala?

Escala do tipo 5 – VII da escala menor harmônica

SÉTIMO DO SOL

Essa escala conhecida pelos nomes de: super lócrio, ultra lócrio, alterada com sétima diminuta…

DO TIPOcinco

 Conclusão

Como saber qual escala usar? Qual escala soa melhor? Não existe uma regra. A escolha das escalas é pessoal, o bom gosto vem com a experiência (prática) e conhecimento de música (teoria e percepção). Eu sempre digo que na música não existe o errado e sim o mal feito.

Gostou? Comente!

Tem dúvidas? Pergunte!

Até a próxima

12 de novembro de 2015

0 Respostas em "Escala do Acorde Diminuto"

Deixe uma Mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Universidade Michael Machado

Conhecimento Musical Elevado

Para o compositor, arranjador, orquestrador e produtor musical.

top
© Universidade Michael Machado, todos os direitos reservados. CNPJ: 32.844.874/0001-11
X